Jardim vertical: Dicas para criar esse pequeno paraíso em sua casa.

Saiba quais espécies de plantas, como fazer a manutenção e se inspire com fotos de incríveis jardins.

Não é de hoje que a necessidade de incluir mais verde em nosso dia a dia se tornou fundamental para a melhora da nossa qualidade de vida. Por isso, o jardim vertical vem ganhando cada vez mais espaço principalmente em grandes centros urbanos.

Seja em um pequeno apartamento, um vasto quintal ou até mesmo dentro de um escritório. Todos podem colher os imensos benefícios de um jardim vertical.

 

Além de incrivelmente lindos, o jardim vertical ou jardim suspenso melhora a qualidade do ar amenizando o efeito da poluição, melhora a sensação térmica no local diminuindo até mesmo a utilização de ar-condicionado e pode ser cultivado tanto em ambientes internos quanto externos.

jardim Vertical - Projeto Fernanda Marques

Estudos da Universidade de Londres compravam que o contato com plantas e ambientes mais naturais trazem grandes benefícios a saúde mental, contribuindo no tratamento de doenças como depressão e ansiedade.

 

Em meio a tantos benefícios, fica claro que o jardim vertical é mais que uma tendência de decoração, é uma necessidade nos dias atuais.

Nessa matéria vamos dar alguns exemplos e dicas de como cultivar e manter esse pequeno paraíso.

O que é Jardim vertical

O jardim vertical é uma estrutura feita de materiais leves instalado junto a parede para abrigar diversas espécies de plantas.

 

Há desde sistemas simples para comportar os vasos de plantas aos mais complexos que contam inclusive com sistema automatizado de irrigação. Claro que essa segunda opção necessita de profissionais qualificados para a instalação.

 

Há três tipos de jardim vertical: natural, artificial e preservado.

Jardim vertical - projeto HSU Arquitetura

Jardim vertical natural

O jardim vertical natural é feito com plantas naturais de diversas espécies. Sua instalação requer uma análise da incidência de luz solar no local para que as plantas se desenvolvam com saúde.

O jardim vertical artificial

O jardim vertical artificial como o nome sugere, utiliza plantas artificiais. As plantas são feitas com materiais de alto nível tecnológico para imitar com perfeição os detalhes, movimentos e texturas de uma planta natural. 

 

Pode ser utilizado tanto em ambientes internos quanto externos e requer quase nenhuma manutenção. Apesar de prático e do apelo estético, esse tipo de jardim não traz os benefícios das plantas naturais que já listamos no começo dessa matéria.

O jardim vertical preservado

O jardim vertical preservado é feito de plantas naturais que passam por um processo prévio de conservação e estabilização de suas características mantendo a textura, cor e movimento das folhagens.

 

Elas são instaladas em placas revestidas com uma fibra natural e as plantas são presas com grampos. Por não precisar de muita incidência de luz e ter baixa manutenção, esse tipo de jardim é ideal para ambientes fechados.

Escritório com jardim vertical preservado - Obra Atiossi Engenharia

Tipos de plantas para jardim vertical

Não é todo tipo de planta que pode ser cultivada em um jardim vertical. Por não possuir solo para se desenvolver plantas com raízes grandes não são uma boa opção.

No geral as plantas ideais para o jardim vertical são as pendentes e semi pendentes com folhagens densas, prostradas e arqueadas, pois escodem bem a estrutura por trás.

A escolha do tipo de planta também deve levar em consideração o local onde o jardim será instalado. Há algumas espécies de plantas que preferem maior incidência direta de sol. Essas são as plantas de sol pleno. Já as semi-sombreadas preferem o sol do fim de tarde.

 

Tipos de plantas para locais de sol pleno:

  • Jiboia
  • Hera inglesa
  • Colar de perolas
  • Flor canhota
  • Chifre de veado
  • Sulenta dedo de moça
  • Aspargo
  • Barba de moisés
 

Tipos de plantas para locais sombreados ou semi – sombreados:

  • Babosa de pau
  • Samambaia
  • Véu de noiva
  • Flor de maio
  • Rabo de gato
  • Monstera oblíquo
  • Hera variegata
  • Antúrio

Dicas para manutenção do jardim vertical

Agora que você já sabe onde será instalado e qual espécie de planta fará parte do seu jardim vertical, é importante entender como fazer a manutenção.

É importante lembrar que a manutenção será de acordo com o tipo de jardim.

 

Fique atento a irrigação: A frequência da irrigação deve ser feita de acordo com o tipo de planta cultivada. Uma regra que pode ser utilizada para manter o substrato sempre úmido é rega semanal no inverno e duas no verão com um borrifador.

Para estruturas grandes de jardim vertical um sistema automatizado de irrigação pode ser necessário.

Jardim Vertical - Projeto Hildebrand Silva Arquitetos

Não esqueça das podas de crescimento: Essas podas são fundamentais para a saúde do jardim e devem ser feitas periodicamente. Retire folhas mortas e doentes, ervas daninhas e ramos que cruzam e atrapalham o crescimento. Isso fará com que as plantas cresçam com mais volume.

 

Cuidados com a adubação e substratos:  Tão importante quanto a irrigação é a adubação. Uma maneira de fornecer nutrientes as plantas é utilizar produtos que são misturados ao borrifador junto com a água. A aplicação do adubo deve ser lenta e em pequenas quantidades.

 

Outro fator importante para a nutrição das plantas é o substrato que deve substituir a terra simples como solo. Há alguns substratos que possuem fertilizantes em sua composição que são liberados aos poucos durante a irrigação. Os substratos de fibra de coco e com turfa importada são os de melhor qualidade.

Outros cuidados: Verifique se as espécies utilizadas no jardim vertical estão bem adaptadas ao clima local. Se não estiver substitua por outra espécie.

 

Limpe com frequência vasos e efetue reparos nos painéis para evitar a aparição de fungos e outras doenças que podem prejudicar a saúde das plantas.

 

Agora é só aproveitar todos os benefícios que o contato com o verde que um jardim vertical pode oferecer.

 

Todas as fotos utilizadas nessa matéria são de obras realizadas pela Atiossi Engenharia.

 

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn

CADASTRE-SE

NEWSLETTER